Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2014

A FARSA DO FECHAMENTO DE ESCOLAS NA PARAÍBA

Por Lau Siqueira
Quando as intenções não são as melhores a primeira vítima é a verdade. Apesar da absoluta falta de fundamento, a falácia do fechamento de escolas permanece em alguns blogs. Imaginem o caos que seria o fechamento de trezentas e onze escolas na Paraíba.  Como seria possível fechar escolas e manter os alunos em sala de aula? A mentira é tão descarada que sequer em relação ao número de escolas esses inimigos da educação pública chegam a uma conclusão. São trezentas e onze, cento e sessenta e uma ou duzentas e cinquenta? Não é isso que importa aos que buscam apenas distorcer a realidade. Se dez escolas fossem fechadas, sem motivo algum, já teríamos um escândalo. Por que será que a Rede Globo perdeu essa pauta tão “grave”? O Ministério Público estaria literalmente desmoralizado enquanto instituição de defesa da sociedade se calasse diante de tamanho descalabro. Afinal de que serviria o MP se permanecesse alheio ao fechamento de escolas? Ou seja: estão zombando da capacidade …

A ESCOLA PÚBLICA MERECE RESPEITO

Por Lau Siqueira


A luta dos movimentos sociais por uma escola pública de qualidade vem de longe. Aconteceram e acontecem avanços que não podem ser desprezados. Mas, no geral, ainda permanece um escandaloso débito para com o povo brasileiro. A verdade é que um dos maiores estragos que a ditadura militar fez em nosso país foi exatamente na Educação. Os milicos tinham medo de uma sociedade pensante, alerta, consciente dos seus direitos. Isso, para eles, representava o risco do comunismo. Uma bobagem sem precedentes. Colocaram a Educação no pau-de-arara. Apostaram na falência da educação pública e no fortalecimento da rede privada. Depois dos milicos tivemos ainda Sarney, Collor, Itamar e FHC. Ou seja: a ditadura fez o sucessor, ancorada no “medo de ser feliz”. Na era Lula e depois, com Dilma, a Educação não deu o salto esperado. Aqui e ali presenciamos avanços pontuais. Mas não sentimos os efeitos de uma política nacional.
O fato é que não se pode sobrecarregar a rede pública. O atendiment…

UMA NOVA ORDEM FORA DA ORDEM

Por Lau Siqueira


Quando o show de Criolo foi anunciado na programação de reabertura do Espaço Cultural da Paraíba, não faltou quem desdenhasse. “Ninguém conhece”, diziam alguns. “Vai ser um fiasco”, diziam os mais exaltados. Mas, esses mesmos críticos, quando viram aquela multidão alegre, na maior paz, curtindo o show, se renderam. Compreenderam que existe uma nova ordem fora da ordem. Em 2006, quando a FUNJOPE  lançou em Mangabeira o projeto Estação Nordeste, também houve quem desdenhasse. Afinal, eram 6 bandas do próprio bairro. A crítica local, no entanto, reconheceu o sucesso do empreendimento devido à multidão que se aglomerava em frente ao Mercado de Mangabeira. No palco bandas do bairro, como Mobiê, Realidade Crua e uma multidão cantando as músicas do SDS.

É certo que não há reconhecimento dessa resistência permanente. Mas, ela existe. Não foi diferente a história de Augusto dos Anjos. Um poeta que desafiou as possibilidades. Primeiro da linguagem. Depois, da província. Ainda que…

ALGUMAS IDEIAS PARA AS BIBLIOTECAS

por Lau Siqueira

Algumas ideias para as bibliotecas
O fechamento da biblioteca Juarez Gama Batista durante a reforma do Espaço Cultural da Paraíba despertou atenção sobre a sua demanda real. A verdade é que até o momento apenas as pessoas que estudam para concursos públicos exigem, com muita propriedade e com todo direito, a reabertura da biblioteca. Mas, essas pessoas necessitam quase que exclusivamente do espaço físico da biblioteca. Seus temas de interesse não estão, necessariamente, disponíveis entre os mais de cem mil títulos do acervo. A maioria traz de casa os livros e apostilas que precisa para estudar. Não que essa não seja uma demanda legítima. Não se trata absolutamente disso. Não vamos aqui confundir as coisas. O fato é que esta não pode nem deve ser a sua única demanda e muito menos a maior prioridade.
Uma biblioteca pode e deve cumprir um papel determinante na formação cidadã. Precisa buscar os caminhos da sedução para que o futuro usuário não a frequente apenas devido às …